quarta-feira, 30 de maio de 2012

O Clube Musicofone

Mais uma vez colocamos aqui imagens do clube musicofone orientado e dinamizado pela Professora Filipa Pires. Desta vez as imagens referem-se à participação do clube na Semana da Leitura. 
 Sublinhamos, mais uma vez, a importância deste projeto no contexto da escola. O Clube Musicofone, desenvolve um trabalho fundamental na formação integral dos alunos, promovendo a sua auto-confiança, autonomia e sensibilidade musical, para além de cooperar e participar em inúmeras atividades da escola, nomeadamente com a biblioteca.

 Que sorte termos um clube assim na Ruy Belo! 

terça-feira, 29 de maio de 2012

A Feira do Livro já começou.


A Feira do Livro já começou. O  horário apresentado é uma proposta de visita das turmas à feira, que poderá ser ajustada. Na biblioteca encontra-se também uma pequena exposição com base na vida e obra do nosso patrono, o poeta Ruy Belo. Ficamos à vossa espera.

terça-feira, 22 de maio de 2012

A Poesia saiu à rua

De poesia na mão e no coração, os alunos da Oficina da Leitura e Escrita, acompanhados pela Professora Helena Cunha e pela Professora Teresa Sobral puseram-se a caminho para a estação de comboios de Monte Abraão, no dia 15 de maio de 2012, para oferecer poesia e receber sorrisos.

Os alunos declamaram expressivamente poemas escolhidos de autores como Ruy Belo, Miguel Torga, Sophia de Mello Breyner Andersen, Eugénio de Andrade, Florbela Espanca, Fernando Pessoa, Mário Henrique Leiria, entre outros.
Foi uma manhã cheia de emoções em que os alunos brindaram os transeuntes que esperavam pelo comboio  ao som da poesia com o intuito de adoçar o seu dia e de dar a conhecer a nossa poesia de forma a poderem sentir, interpretar e olhar o mundo à nossa volta de todos os prismas possíveis porque SONHAR é preciso!

Aqui fica o registo deste serão matinal.

domingo, 20 de maio de 2012

Uma noite na biblioteca



    A noite de 18 para 19 de maio foi diferente para os que participaram na atividade ”Uma noite na Biblioteca”. Os alunos da  Oficina da Leitura e da Escrita, dinamizada  pela Professora Helena Cunha, a Professora Teresa Sobral e  alguns alunos convidados da turma do 5ºI tiveram o privilégio de integrar esta aventura noturna.
    Uma noite a dormir entre os livros, teve como objectivo promover a biblioteca como espaço de lazer e convívio, fomentando o contacto com o mundo maravilhoso dos livros e das histórias.
    Na noite de sexta para sábado, não faltou animação, jogos e brincadeiras.
    No início da noite os alunos estiveram a fazer jogos e atividades livres, depois seguiu-se a Hora do Conto com a contadora de histórias Vera Alvelos que nos presenteou com o conto “O Papílio” retirado do livro “ Os Contos de Hans Christian Andersen “.
    Partindo da mala de um colecionador de borboletas, ouvimos uma história que cheirava a flores e tinha as cores da Primavera. “Mas nem tudo são rosas na estação dos amores, é o que nos conta esta história que persegue o encontro com o par perfeito, sem nunca o conseguir.”
    Inspirados no conto e na criatividade de Andersen, fomos convidados a participar numa oficina de construção de histórias de modo  “a conhecer estas delicadas e extravagantes criaturas que animam os céus e os campos de flores“. (Biblioteca de Mala Aviada)
    Construímos a nossa história em forma de borboleta e depois quando estava pronta a voar, partilhámo-la com os nossos companheiros de viagem.
    Houve ainda tempo de receber a visita da nossa diretora Drª Nancy Gaudêncio que nos presenteou com a sua presença e o seu apoio. Partilhámos com ela as nossas histórias e um pequeno lanche que estava reservado para o final. Só depois pudemos adormecer, entre livros, ao som de histórias. 
    Alguns encarregados de educação participaram nesta aventura, destacamos a presença da D. Fernanda, mãe do Humberto que também dormiu na biblioteca e deu uma ajuda preciosa. No sábado, logo pela manhã, partimos de novo para os nossos casulos.
    Deixamos aqui o nosso agradecimento à Direção da escola e mais concretamente à Diretora Nancy Gaudêncio, aos encarregados de educação que permitiram que os seus educandos participassem nesta iniciativa, à  Professora Helena Cunha responsável pela atividade.
 Deixa-se aqui também um agradecimento ao departamento de Educação Física por ter cedido os colchões que tornaram a nossa noite mais confortável.
                                                                                                                Teresa Sobral

terça-feira, 15 de maio de 2012

3ª Maratona da Poesia



“Nós nascemos para ter asas, meus amigos. Não se esqueçam de escrever por dentro do peito: nós nascemos para ter asas.”
                                                                                                      José Fanha
No dia 22 de março decorreu na biblioteca a 3ª Maratona da Poesia.
Alunos, professores, funcionários e encarregados de educação subiram ao palco que montámos na biblioteca e libertaram poemas. De forma improvisada alguns, ou com os poemas muito bem trabalhados todos partilharam, soltaram as palavras e proporcionaram momentos maravilhosos. Os poemas têm a capacidade de nos emocionar, de nos transportar para lugares imaginados, onde a poesia habita.  
A festa da poesia aconteceu….
Obrigada a todos, os que mais uma vez, ajudaram a fazer deste dia um dia mais feliz.

sábado, 12 de maio de 2012

Os segredos do arco-íris


Os Segredos do Arco-Íris no Cata Livros 
Mais um conto no site do Cata Livros. Desta vez, da escritora Ana Luísa Amaral retirado do livro, Princesas, Príncipes, Fadas e Piratas com Problemas.

Quem é esta autora?
Nasceu em Lisboa, em 1956. Ensina Literatura Inglesa no Departamento de Estudos Anglo-Americanos da Faculdade de Letras do Porto. É doutorada em Literatura Norte-Americana com uma tese sobre Emily Dickinson. Autora de oito livros de poesia e dois livros infantis, está representada em diversas antologias portuguesas e estrangeiras e foi traduzida para várias línguas, como castelhano, inglês, francês, alemão, holandês, russo, búlgaro e croata.

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Partilhar Leituras...



Durante a Semana da leitura alguns alunos do 8ºE juntamente com a Professora Helena Barroso vieram à biblioteca partilhar leituras. Trouxeram o livro seleccionado e apresentaram os personagens, o enredo, o fio condutor de toda a história. Uns mais descontraídos, outros mais contidos, todos participaram e encantaram.
Obrigada Professora Helena.

sábado, 5 de maio de 2012

Cordão de leitura na EB1/JI de Monte Abraão.

A escola EB1/JI de Monte Abraão também participou no  "Sintra Para para LER" unindo-se  ao imaginário cordão de leitura concelhio. 
Aqui ficam algumas fotos partilhadas pela Professora Bibliotecária Graça Horta e pela Professora Olga Saúde.


   

5 de Maio - Dia da Língua Portuguesa e da Cultura Lusófona


"Uma língua é o lugar donde se vê o Mundo e em que se traçam os limites do nosso pensar e sentir. Da minha língua vê-se o mar. Da minha língua ouve-se o seu rumor, como de outros se ouvirá o da floresta ou o silêncio do deserto. Por isso a voz do mar foi a da nossa inquietação".
Vergílio Ferreira

Hoje celebra-se o Dia da Língua Portuguesa e da Cultura nos Países Lusófonos por decisão Conselho de Ministros da Comunidade Portuguesa da Língua Portuguesa, realizado em Junho de 2009, em Cabo Verde. Nesta data, os ministros dos Negócios Estrangeiros recomendaram aos Estados-membros,  a comemoração do Dia da Língua Portuguesa, tendo em vista a sua afirmação crescente.
Com cerca de 272,9 milhões de falantes, o português é a quinta língua mais falada no mundo.
 A língua portuguesa, também designada português, é uma língua românica originada do galego-português  falado no Norte de Portugal. Durante os Descobrimentos, marinheiros portugueses levaram o seu idioma para lugares distantes. O português dispersou-se pelo mundo.
O que temos em comum?  Os  moçambicanos, os guineenses, os portugueses, os cabo-verdianos, os angolanos, os timorenses, os brasileiros e os são tomenses, todos falantes da mesma língua?
 Uma língua, um vínculo histórico e um património que é resultado de uma convivência de vários séculos que não podemos desvalorizar e esquecer.
O português é conhecido como "a língua de Camões" em homenagem a uma das mais conhecidas figuras literárias de Portugal, Luís Vaz de Camões, autor de Os Lusíadas.

sexta-feira, 4 de maio de 2012

Toc...Toc...Quem é? É a Poesia e pede para entrar

Com o apoio da Professora Guida Silva de Língua Portuguesa, organizámos no Dia da Poesia uma intervenção intitulada. “A Poesia bate à porta e pede para entrar”.  Com dois antigos alunos desta escola o Joseph e o Gonçalo, uns “meninos de ouro” desenvolvemos esta ideia simples, mas intensa e um bocadinho ousada. Toc...Toc.. Quem é? É a Poesia e pede para entrar...
Fomos bem recebidos pelos alunos, professores e funcionários que não contavam com a surpresa. Vozes afinadas, intensas revelando em cada som paixão pela palavra e pelo que ela contém. Salas de Aula, Secretaria, Direção, todos tiveram o privilégio de receber estes arautos da Poesia.
Obrigada Joseph e Gonçalo pela vossa disponibilidade e entrega a esta iniciativa.

quinta-feira, 3 de maio de 2012

Sessão: Da Leitura à escrita de Textos

 
No dia 20 de março pelas 16.30h recebemos na nossa biblioteca a Drª Encarnação Silva, professora na Escola Superior de Educação de Lisboa. Dinamizou um pequena encontro para os professores com base no tema: “Da leitura à escrita de textos”. A assistência composta por professores do agrupamente, maioritariamente de Língua Portuguesa, valorizou esta sessão.
No final  foi lido um belissimo conto, O Segredo do Bosque de Javier Sobrino com Ilustrações de Elena Odriozola.  Uma adorável e história de amor, onde as diferenças não constituem uma dificuldade para as relações. Utilizando os animais do bosque como recurso para comunicar com o jovem leitor, Um Segredo do Bosque utiliza uma linguagem universal, a dos afectos, para falar do amor aos mais pequenos e de como assumir os sentimentos.
Agradecemos a presença da Drª Encarnação que muito amavelmente acedeu ao nosso convite enriquecendo desta forma a nossa Semana da Leitura.

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Encontro com Maria Lúcia Carvalhas

No dia 23 de março, tivemos a honra de receber a escritora de livros infanto-juvenis, Maria Lúcia Carvalhas, no âmbito da semana da Leitura do agrupamento.
Receber um escritor é sempre um acontecimento marcante. Conheci Maria Lúcia Carvalhas por intermédio de uma grande amiga, desconhecendo que se tratava de uma escritora. Percebi a sua sensibilidade e mistério.
Recebê-la foi um prazer, apreciámos a sua simpatia e disponibilidade em vir ao nosso encontro.
Os alunos do 6ºA e do 6ºD trabalharam a obra «Os Guardadores das Histórias». Os primeiros encenaram a história e os segundos produziram textos.
O livro “Os Guardadores das Histórias” que procura chamar a atenção das crianças e adultos para a importância dos livros e da leitura. Sob forma de uma fábula, é-nos contada a história de uma terra onde se privilegiava o bom hábito de contar histórias e na qual, por sentirem a plenitude do mundo e da natureza à sua volta, todos viviam felizes. Com o decorrer dos tempos, os interesses alteraram-se, dando lugar a uma excessiva preocupação com as coisas materiais e a um menosprezo pelos livros e contadores de histórias. Sem que os habitantes dessem por isso, o mundo tornou-se frio, cinzento e triste igual a muitos outros onde a magia das histórias não tinha lugar. Só os mais pequenos achavam que algo não estava bem. É então que o Guardião Supremo das Histórias e os seus fiéis amigos, os pequenos gnomos, resolvem intervir para salvar a terra e evitar que esta mergulhasse numa existência descolorida.
A equipa da biblioteca agradece a simpatia e disponibilidade da autora e agradece participação dos professores de Língua Portuguesa, Maria José Alves e Teresa Carvalho.
 Aqui ficam algumas fotos do encontro com a autora:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...